‘ELE MORREU AGORA HÁ POUCO’: César Tralli entra ao vivo e dá notícia mais TRISTE do dia

São tantas notícias tristes apresentadas pelo jornalismo, que muitas vezes preferimos não assistir. Desta vez, coube ao apresentador e jornalista César Tralli noticiar o falecimento de um grande nome da música brasileira, pegando a todos de surpresa e deixando comoção em rede nacional.
PUBLICIDADE



Quando um astro perde á vida, o jornalismo entra em concorrência visando uma notícia de primeira mão. No entanto, César entrou ao vivo para comunicar a triste notícia da perda do músico Paulinho Camafeu, um dos percursores do axé music.

O músico residente de Salvador (BA), faleceu aos 73 anos, após passar vários dias internado devido a problemas cardíacos. Ele sofreu duas paradas cardíacas, infelizmente na terceira acabou não resistindo. Antes mesmo de ser diretamente encaminhado ao Hospital, Paulinho foi internado na UPA por apresentar sinais de infarto.
PUBLICIDADE

Apesar da última despedida, talvez tenha sido um descanso na vida de Paulinho. Pois há muitos anos ele vinha sofrendo, era diabético, e inclusive chegou a amputar umas das pernas por causa da doença. Além disso, o artista fazia hemodiálise.
PUBLICIDADE

Paulinho Camafeu era dono de composições históricas como “Que Bloco É Esse” na voz do grupo Ilê Aiyê. A composição foi apresentada pelo bloco afro em 1975 — com cerca de 100 pessoas desfilando e desafiando a sociedade ao cantar sobre a negritude.
fonte: https://noticias24hrs.online/

Comentários